Pesquisar este blog

Carregando...

sábado, 11 de agosto de 2012

METENDO NO CUNHADO


Estava saindo com uma mina e chegou o final de semana. Ela me telefona
dizendo que ficou em casa sozinha. Que os pais dela foram para SP e
ficou ela e o irmão, sendo que ele iria sair com os colegas dela. Bom,
ela é loirinha, gostosona, peitinhos durinhos, bunda deliciosa e uma
bucetinha linda de morder e chupar, 20 anos.
Cheguei na casa
dela e ali mesmo ela me recebe de mini saia e blusinha... lasquei um
beijão e iniciamos uns amassos ali mesmo na sala. Caraca, comecei a
passar as mãos pelo corpinho delicioso dela, lasquei o dedo no meio da
bunda dela.
Ela me encosta no sofá, abaixa, pára de frente pra
minha bermuda, pega e rasga o ziper... Meu pau lateja dentro da sunga.
Ela tira a minha sunga e engole 19 cm de pura pica. E inicia um boquete
delicioso. Fica quase uns 10 minutos, a minha pica já estava latejando
de tesão.
Não aguentei e arranquei ela da minha pica, peguei ela
e coloquei encostada na parede da sala, coloquei ela de costas,
levantei a mini saia, vi aquela imagem de uma linda e gostosa bunda sem
calcinha. Me abaxei e abri a bunda e iniciei um belo boquete naquele
cuzinho vermelhinho. Ela só gemia como uma puta. Lambia, mordia e metia
os dedos. Até ficar de pé, peguei meu pau, encostei no rego dela, ela
empinou e abriu e eu só tive o trabalho pra enfiar e socar 19cm de pura
pica. Trepamos a noite toda e chegou na madrugada caimos exaustos na
sala, no tapete todo molhado de gozo.
Pela manhã, acordo com um
lençol em cima de nós, vou ao banheiro dou uma mijada, lavo o rosto e
vou a cozinha quando me deparo com o irmão dela. Ele de sunga e DE PÉ
NA MINHA FRENTE. Aí, pedi desculpas a ele pelo acontecimento. E se
inicia o dialogo. "Desculpa pelo acontecimento." Ele: "q nada, po, vcs
estavam vibrando a noite toda." Eu: "vc viu tudo?" Ele: "sim, me deu
até tesão."
Olho para a sunga dele e vejo que o pau dele
estava ficando duro. Ele: "minha irmã que é mina de sorte, ter um cara
como vc e com um picão desse..." Eu: "não entendi." Ele: "minha irmã
recebendo uma vara dessa a noite toda, quem me dera ter uma dessa..."
Caraca,
não sabia que ele gostava, ele pega muita mina por aqui. Meu pau fica
logo duro. Ele chega mais próximo de mim, passa a mão na minha barriga
e diz; "faço melhor que ela. Não tenho buceta, mais meu cu e meu
boquete dá de 10 x 0 nela. É só vc não falar pra ninguém e nem pra ela.
Vc pode comer a minha irmã e meter em mim depois."
Não acreditei no q estava ouvindo. Ele é todo bom, loiro gostosinho, de 22 anos.
Ele
pega na minha pica, e eu sem jeito. Ele diz que a irmã dele vai acordar
muuuuito tarde, que é costume dela. Então, ali mesmo ele desce e engole
minha pica de uma forma que eu jamais senti. Q boca de veludo. Fca um
tempão. E fomos para o quarto dele e lá ele deita na cama e abre aquele
cu e me chama. Deitei em cima dele, enfiei meu pau todo dentro dele de
uma vez. Ele geme igual uma piranha... de familia. E foi a manhã toda
metendo naquele bi enrustido.
Ele me fez gozar 2 vezes, sendo
que uma ele engoliu tudo e deixou meu pau limpinho. Desci, dexei ele
deitado na cama. E fui ver a mina. Acordei ela para que ela fosse pra
cama dela. Antes passamos no quarto dele e quando ela abre a porta
encontrra o irmão dela de cu pro alto roncando. E diz: "parece que a
noite foi boa pra ele também."
NAO ESQUEÇA DE VOTAR.
Foto 1 do Conto erotico: METENDO NO CUNHADO

Foto 2 do Conto erotico: METENDO NO CUNHADO

Foto 3 do Conto erotico: METENDO NO CUNHADO

Foto 4 do Conto erotico: METENDO NO CUNHADO

Nenhum comentário:

Postar um comentário